Blog em Manutenção:

Blog em manutenção, desculpe-me o constrangimento... Em breve o novo design estará pronto, obrigado pela atenção.

É Assim Mesmo a Morte?:

      Ontem dormi tarde e hoje, após ter acordado depois do meio dia, não entendi porque certas coisas não saíram da minha cabeça... Pessoas que já vi perto da morte, ou mortas!
      Isso não me assusta, pois isso faz parte da vida. Mas é agonizante estar com estes pensamentos.
      
      Primeiro o garoto que encontrei no hospital (quando eu estava internado curando um corte que tinha feito em meu braço)... Ele lutava contra o vírus HIV e estava mais magro do que um grilo. Seus olhos fundos, seus braços perfurados, a cama amassada, a tristeza no olhar, a prisão daquele quarto. Pensei – é assim mesmo a morte? Após alguns dias ele não estava mais lá.

      Meu avô, que certo dia começou a sorrir e cantar cantigas de adeus – “adeus minha pamporrilha” dizia ele, escrevendo frases de amor numa caderneta velha. No dia seguinte o encontraram deitado na cama, dormindo como um anjo... Mas suas mãos cruzadas estavam frias demais – é assim mesmo a morte? Ele estava morto! (e ele sabia que ia morrer)
      O vi deitado no caixão com uma roupa social branca, (nunca me esqueci desse dia). Lágrimas caíam do rosto de meus familiares, mas diferente de todos, com os olhos secos, apenas pensava – é assim mesmo a morte? E assistia o caixão descer para escondê-lo para sempre.
  
      O Pai (que era preconceituoso) do meu ex namorado, dias depois que descobriu nosso caso, fez seu filho chorar e babar de tristeza. Eu estava no bar, jogando sinuca, quando ele chegou e me puxou pelos braços... No piso branco da cozinha o velho estava deitado... Toquei em seus pulsos e descobri, ele não estava mais entre nós. Infarto fulminante! Ninguém pensou na despedida, mal mal o enterraram, a herança foi mais importante... Dias depois meu namorado sorria novamente (embora ainda chore de vez em quando, após anos)


      Eu penso agora em todos esses casos e o texto seria gigante se eu registrasse todos. Porque as pessoas partem? Para onde elas vão? É ASSIM MESMO A MORTE? Não posso saber...
Já tentei ver sua face... mas porque ela só leva os que não a desejam? Para onde ela os levam? Talvez para o mesmo lugar que estou agora. Sentindo estes mortos ao meu lado, gritando em meus ouvidos para que eu não publique esta postagem...
      Mas quem me conhece sabe neah? Esse relato estará no ar em menos de um minuto. Mas a pergunta ainda está no ar... É assim mesmo a morte? Quem é que pode saber?...

 Ps >> Estou tremendo, nem sei como consegui digitar tudo isso... Foi mais difícil do que eu pensava...

7 Comentários:

Jajá disse...

Existem coisas na vida que vão além de nossa compreensão... A vida é uma incógnita onde a certeza da própria vida é a morte...

Meus sentimentos...

www.jaylsonbatysta.blogspot.com

Ministério Jovem Guerreiros de Cristo disse...

Gente, entregue sua vida a Deus...
do resto o que temos a fazer é viver.
Esse é minha opinião...
retribuiii, comentário...
:D
Da resto, parabéns pelo blog.

Matheuslaville disse...

Texto excelente li todo ,mas o blog já é escuro e vermelho e ainda vai falar de morte nossa que terror!! Mas eu não sou nem amigo da vida e nem da morte e é claro que é a minha vida ,pois não aceito certa limitação do corpo vivo e não aceito como o corpo vai na morrer acho assim lutei vivo para não ter nenhum bicho me comendo e lutei para não apodrecer o corpo e então porque vou deixa bichos me comerem morto... .Sei que é a natureza ,mas não é agradável pensar na morte ,pois ela é misteriosa e ninguém saber a certo onde vai parar então da medo é como ficasse em um longo escuro andando no meio do nada no escuro é aterrorizante!!! como é 2012 meu voto para esse post é 12!!! Alias para combinar com o blog é 13!!!

M.alves disse...

A morte é uma triste realidade da vida!

www.tecknews.co.cc

Profunda Visão disse...

A morte assim como o amor é algo que não se pode escolher...Afinal não nos apaixonamos por quem queremos,do mesmo jeito também não escolhemos quando morremos...Será que alguém decide isso?Deus?Destino?Sorte?Universo? Prefiro não me divagar a perguntas que com certeza nunca serão respondidas por mim...Para onde vamos...Eu não sei e e realmente não me importo...Estou vivendo o agora,a vida é pode e é curta demais para pensar em algo inexplicável...Melhor é VIVER e ser FELIZ! Quanto a morte que ELA descanse em paz e não atrapalhe minha felicidade tão cedo...

Andy A. disse...

Um assunto bem "pesado" ... seu rexto foi muito bem escrito , a morte é mesmo algo incompreensível
http://andyantunes.blogspot.com/

Ana C. disse...

dando uma olhada no blog
curtindo ^^
e já seguindo

beijos

Postar um comentário

Se deseja deixar sua opinião, fique à vontade. Obrigado: Gabriel G. Myslinsky.

 
Visão de Mundo © Copyright | Template By Mundo Blogger |