Blog em Manutenção:

Blog em manutenção, desculpe-me o constrangimento... Em breve o novo design estará pronto, obrigado pela atenção.

Cadê a Individualidade?:

"Porque nascemos a crescer para o que já estava definido ser a nossa vida"


Penso, porque?
Porque a definição, porque a tradição, porque o método, porque a norma?
Porque um rótulo se todos nós temos uma individualidade?
Por que uma regra para idealizar o comportamento humano e um objetivo de exemplo para ele?
Por que sofrer caso se viva contrário as normalidades?
Quem é que pode saber como foi e como deve ser?
Quem afinal, tem a fórmula da felicidade?
As pessoas nascem, mas as vidas dos pobres coitados são as mesmas.
Na infância a educação paternal, na adolescência a educação escolar, na fase adulta a responsabilidade, mas qual o objetivo de tudo isso?
Trabalhe, seja alguém na vida, ganhe muito dinheiro! - Já dizem nossos pais, a maioria deles, pelo menos uma vez.
Todos vivem para isso, os que não seguem a regra se tornam mendigos ou vagabundos...
E os que conseguem "vencer na vida" afinal são honrados e admirados? Pode ser para você...
Para mim o doutorzinho, o jogador de futebol milionário, o advogado, qualquer que seja o tal - Vive pelo dinheiro, pelo trabalho, para si mesmo e se denomina bem de vida, feliz, mas e a verdadeira obrigação de ser humano?
Quem cumpre?

Os que já tentaram um dia, hoje estão nos hospitais psiquiátricos...
Ou mortos!

6 Comentários:

Guilherme Augusto disse...

O importante é ser ciente de sua vida... ao seu redor e viver o mundo que lhe foi dado, se é chato, capitalista, rotineiro, depende de vc fazer seu melhor...

Pergunte a uma mulher disse...

Falou tudo!
eu mesma tenho medo de tentar e parar no hospício e sofrer =(

Bruno Costa disse...

Muito boas as questões? Para onde a vida aponta ou para onde querem que ela aponte é uma questão que nos faz pensar em resistir a isso tudo. Tudo tão certinho, prontinho. Também não quero. Continue a propagar essas inquietudes.

Fulano de Tal disse...

Infelizmente o mundo gira em torno do dinheiro, não importa o que você faça.

Karina Alme Legnani disse...

Quantos porques... ja pensei muitas vezes nessas perguntas e imagino que muitos pensemos e as respostas?

Mylla disse...

Chuto que é mais fácil controlar o que é normatizado do que a pluralidade. Mas tenho algumas ressalvas ainda quanto à essa minha teoria. Acho que preciso ler mais, viver mais e observar mais. Haha. Gostei daqui.

:*

http://hey-london.net

Postar um comentário

Se deseja deixar sua opinião, fique à vontade. Obrigado: Gabriel G. Myslinsky.

 
Visão de Mundo © Copyright | Template By Mundo Blogger |